Blog do Paulo Matias

Posts tagged amrec

Cultura / Economia / Política

Prioridades da Amrec foram apresentadas aos deputados do Sul

No evento organizado pela Associação dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec), Acic e Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Criciúma, os deputados federais e estaduais eleitos pelo Sul, receberam nesta segunda-feira (15) uma lista com as prioridades da região. As áreas de infraestrutura, logística, saúde, inovação e o Plano de Desenvolvimento Regional, concentram as reivindicações.

Lista de Prioridades apresentadas:

1 – Revitalização da Rodovia Jorge Lacerda;

2 – Revitalização da Serra do Rio do Rastro (Recuperação de todo o pavimento, incluindo o asfalto e sistemas de drenagens, iluminação, sinalização e pinturas);

3 – A quarta parte do Anel de Contorno Viário De Criciúma (com 2,6km, ligando o viaduto do Bairro Vila Zuleima à Rodovia Luiz Lazzarin, no Distrito do Rio Maina);

4 – Pavimentação da Rodovia Jacob Westrup (Total de 12km, faltam 8km);

5 – Conclusão da Rodovia SC-442 – que liga Cocal do Sul ao distrito de Estação Cocal em Morro da Fumaça. Com 10,8 km, sendo 7,5 km já pavimentado, e restando ser pavimentado 800m, do lado Cocal do Sul; e 2,5 km, do lado Estação Cocal;

6 – Rodovia Olívio Cechinel SC-445 – Necessidade de duas pontes de ligação da ciclovia;

7 – Obras Complementares da Via Rápida (Uma alça em viaduto; Urbanização, drenagem, sinalização, iluminação e pinturas; Serviço de manutenção, roçadas);

8 – Anel Viário de Cocal Do Sul (16,5 km de rodovia duplicada, do Centro de Urussanga ao Anel Viário de Criciúma);

9 – Urussanga / Lauro Müller – SC 440, via comunidade de Santana (10 km a serem pavimentados);

10 – Rodovia “Leste / Oeste” (Criciúma-Içara-BR101: São 9,6 Km ligando Esplanada, em Içara; à BR 101 e daí à Via Rápida no Bairro N. Senhora da Salete em Criciúma);

Estiveram presentes a deputada estadual Ada Faraco de Luca, os deputados estaduais Felipe Estevão, Jessé Lopes, José Milton Scheffer, Luiz Fernando Vampiro, Rodrigo Minotto, e o presidente da Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina (Alesc), o deputado Júlio Garcia que destacou, “desligamos o modo campanha, e hoje aqui estamos ligando o modo mandato”, e o deputado federal Ricardo Guidi.

Observa-se na referida lista a ausência da obra de revitalização da Rodovia Genésio Mazon, enquanto consta a conclusão da Rodovia SC-442, que liga Cocal do Sul ao distrito de Estação Cocal em Morro da Fumaça.

Na outra direção está relacionada a SC 440, Urussanga / Lauro Müller, via localidade de Santana, onde consideraram 10 km a serem pavimentados.

 

Política

Em Brasília, Murialdo faz avaliação da XXII Marcha dos Prefeitos

Em busca da defesa e de políticas mais ativas aos municípios, prefeitos de todo Brasil estiveram em Brasília nessa semana participando da XXII Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios. O prefeito de Içara, Murialdo Gastaldon e o presidente da Câmara de Vereadores, Rodrigues Mendes, junto aos demais prefeitos da Associação dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec) participaram de diferentes ações na Capital Federal.

Um dos momentos esperados pelos líderes foi a fala do Presidente Jair Bolsonaro, que cumpre seu primeiro ano de governo. “No início de mandato do Presidente, a expectativa aumenta, visto que os prefeitos querem conhecer os programas que o Governo Federal lança, para que posteriormente os municípios enviem seus projetos, comentou Murialdo.

A fala do ministro da Economia, Paulo Guedes, foi uma das falas que agradou o prefeito. “Ele abordou a reorganização do pacto federativo e comentou também que irá trabalhar para destinar mais recursos aos municípios, sendo aplaudido em vários momentos”, reforçou.

Outro momento de destaque foi um protesto realizado em frente à sede do Supremo Tribunal Federal (STF) pedindo a votação sobre royalties do petróleo. Há seis anos, os 5.568 municípios aguardam a partilha, por meio de recursos arrecadados com a exploração dos royalties.

 

Política

Nova diretoria executiva da AMREC é empossada

A nova diretoria executiva da Associação dos Municípios da Região Carbonífera (AMREC) tomou posse em solenidade realizada na tarde desta quinta-feira (14). O prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro, assumiu a presidência da entidade, substituindo o prefeito de Siderópolis, Hélio Roberto Cesa “Alemão”. A cerimônia também marcou a inauguração das obras de ampliação e acessibilidade da AMREC.

No discurso de despedida, Alemão destacou a importância das obras realizadas na AMREC e relembrou o papel de liderança de Criciúma na administração de momentos difíceis, como a greve dos caminhoneiros, que prejudicou municípios em 2018. “A sede da AMREC precisava de uma obra deste porte. Muitas pessoas, em especial os cadeirantes, deixaram de ir à entidade por causa da falta de acessibilidade. Mas a história é outra a partir de hoje. Com o apoio dos prefeitos dos 12 municípios, instalamos um elevador”, comenta. “Agora, teremos um craque para enfrentar os desafios. O Salvaro tem a confiança dos prefeitos e, com certeza, vai trazer bons resultados econômicos, sociais e políticos na presidência da AMREC”, complementa.

Localizada no bairro Milanese, a sede da AMREC ganhou um elevador, teve um banheiro adaptado e uma sala de reuniões ampliada de 20 para 40 lugares, no total de 49,30m² de área construída, com um custo aproximado de R$ 200 mil, incluindo as taxas de fiscalização.

De acordo com Salvaro, a função da AMREC, que atende os interesses comuns dos municípios associados, será ainda mais fortalecida. “Temos a enorme responsabilidade de defender as causas municipalistas e lutar pelo bem-estar dos munícipes. A AMREC é uma entidade forte e os prefeitos são atuantes. Estou preparado para discutir assuntos que interessas os 12 municípios associados e buscar o crescimento da AMREC. Continuaremos praticando a política do bem”, destaca.

A cerimônia de posse da nova diretoria executiva da AMREC foi prestigiada pelo prefeito de Tubarão e presidente da Federação Catarinense de Municípios (Fecam), Joares Ponticelli, pelo prefeito de Maracajá e presidente da Associação dos Municípios do Extremo Sul Catarinense (Amesc), Arlindo Rocha, pelo diretor executivo da AMREC, Acélio Casagrande, pelo deputado federal Ricardo Guidi, pelo presidente da Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc), Mario Cezar de Aguiar, entre outras autoridades políticas.

Política

Semana movimentada!

Florianópolis

Na capital depois dos apontamentos feitos pelo secretário de estado da fazenda quando da visita na Alesc, o visível posicionamento divido do governador, que ouve empresários, mas sinaliza aos deputados estaduais que precisa destes para extinguir os incentivos fiscais discutidos. Situação que fez com que esse até antecipasse a informação sobre uma possível falta de caixa para pagar a folha no meio ano.

Ainda na Ilha, mas já na Alesc, tomou corpo mais uma CPI, agora para tratar dos tais “benefícios de gaveta”, relatados pelo secretário citado anteriormente. E o rumo que teve da até prometida em campanha, Comissão Parlamentar de Inquérito, sobre a reforma da ponte Hercílio Luz, que gerou a insatisfação do deputado criciumense Jessé Lopes (PSL), que queria presidir a mesma, mas viu a mobilização interna realizada na casa colocar nesse posto o experiente Marcos Vieira (PSDB), deputado que se quer havia assinado em favor da referida CPI.

No estado

Já nas terras “Barriga Verde”, fechando a semana, a informação que surgiu sobre a possível intervenção do presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, no intuito de dissolver o partido no estado e não realizar convenção em julho. O que depois foi esclarecido, considerando que Gelson Merisio, candidato ao governo do estado que não logrou êxito, fica a frente do partido até a data citada e depois deve inclusive deixar a sigla, a qual ao que tudo indica vai ter na prática o comando do ex-governador Raimundo Colombo, uma vez que a maior liderança do PSD hoje, o presidente da assembleia legislativa do estado, Júlio Garcia, declarou que não tem interesse no posto.

Região

Trazendo a resenha para a AMREC, surpresa com a atitude do prefeito de Forquilhinha, Dimas Kammer, o qual através de um memorando interno, solicitou que fosse demitido seu secretário de governo, José Ricardo Junkes, que trabalhava na sala ao lado no passo e é presidente do partido do gestor, o PP. Sendo que ontem em uma coletiva, Kammer, rendeu elogios ao ex-secretário, mas não foi claro nas razões da demissão, embora tenha admitido que a forma foi no mínimo deselegante. O ocorrido que traz à tona a divisão da sigla no município, já afetada pelas intenções relativas as eleições de 2020, onde entra na história o ex-prefeito Lei Alexandre. Episodio sobre o qual o prefeito sinalizou que pretende descobrir o responsável pelo vazamento do “bilhete”, como se essa fosse a questão.

Lá fora

E na cidade polo, deu-se o pedido de desfiliação do PSL, do ex-presidente da executiva provisória do partido na mesma cidade, ente que participou ativamente da instalação da sigla na região, inclusive quando das definições de Carlos Moisés de Tubarão para a candidatura ao governo e de Daniel Freitas de Criciúma para a Câmara Federal. Empresário Júlio Lopes, pai do deputado eleito Jessé Lopes. Decisão que pode apontar o direcionamento do mesmo para outro partido, que sabe até seguindo a família Bolsonaro. Mas também indicando que a meta inicialmente anunciada sobre a intenção do PSL de atuar ativamente nas próximas eleições municipais não é tão simples.

Aqui dentro

Em Urussanga destacam-se a confirmação de que a reunião do MDB ocorrida no final da outra semana, foi diferente das demais realizadas depois da eleição de 2016, essa marcada pela cordialidade entre os participantes, onde também um pensamento foi consenso, do partido não deve demorar para colocar na rua nome do seu candidato a prefeito em 2020, o qual não será escolhido através de processo de “bater chapa”. E o anuncio da data em que ex-vereador que recentemente desfilou-se do mesmo MDB, Jucemar Sangaletti, assume uma diretoria no governo municipal do PP. O qual não deve filiar-se de imediato em outra sigla, mesmo com assédio do PSC.

 

 

Economia / Política

Prefeitos e empresários buscam estratégias para atrair investidores à região

Prefeitos e vice-prefeitos da região carbonífera estiveram reunidos na noite desta segunda-feira (25), com o presidente da Associação Empresarial de Criciúma (Acic), Moacir Dagostin, na sede da entidade empresarial. Na pauta, estratégias para atrair investidores para a região. Nos últimos anos, os municípios que compõem a Associação dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec) cresceram abaixo da média do Estado. De 2012 a 2018, a região cresceu 71,53% enquanto o Estado 72,69%“Queremos buscar alternativas que possam mudar este cenário atual e de projeção da nossa economia”, pontua o secretário executivo da Amrec, Acélio Casagrande. “Chegamos à conclusão de que precisamos de um material que divulgue e “venda” a nossa região, mostrando todas as potencialidades”, acrescenta o presidente da Acic, Moacir Dagostin.

Conforme o presidente da Amrec, Hélio Cesa “Alemão”, a busca de parcerias tem sido um caminho para acelerar o desenvolvimento econômico regional. “Quando iniciamos na Amrec em 2018 sabíamos que precisávamos trabalhar a questão do desenvolvimento econômico, buscamos a parceria da Acic porque sabemos que essa união só trará bons resultados. A tão esperada infraestrutura chegou e o que precisamos agora é mostrar aos investidores o que a nossa região tem de melhor”

Ainda de acordo com o empresário Édio Castanhel, diretor da Acic, a região precisa ter o apoio do Governo do Estado na busca de investidores. “Temos um governador do Sul e precisamos contar com este apoio”, coloca.

O prefeito de Içara, Murialdo Gastaldon, destaca a importância de focar na vocação da região. “Precisamos saber quais os setores da nossa economia darão mais reflexo, focando numa direção certeira. A nossa indústria está defasada e políticas públicas de incentivo ao setor produtivo precisam ser criadas, especialmente, as de estímulo a inovação. Não adianta termos infraestrutura se na base não há inovação”, opina.

Dentro do tema inovação, o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro, destacou a tão importante obra do Centro de Inovação bandeira da Acic. “O governo precisa definir se aportará os investimentos necessários senão começaremos a buscar outros meios de viabilizar o projeto”, pontua.

Um encontro será marcado com o Governo do Estado para tratar do Centro de Inovação de Criciúma e ainda dos decretos que alteram o regulamento do ICMS, que afetarão vários setores da economia catarinense. A produção de um audiovisual, que mostre as potencialidades da região carbonífera, também será encaminhada.

 

 

Política

Prefeito de Urussanga não deve sair em férias

Diferentemente do que vem fazendo a maioria dos gestores municipais da AMREC, o prefeito de Urussanga, Gustavo Cancellier, não deve sair em férias nesse período em que costuma acontecer na maioria dos casos.

Ao Blog sua assessoria respondeu sobre essa possibilidade, “a princípio nada previsto devido à grande demanda de trabalho neste início de ano”.

Tal decisão, se fosse tomada pelo chefe do executivo resultaria inevitavelmente em passar a “caneta” para o vice, Décio Silva.

Economia / Política

Ampliada a compra de consultas, exames, procedimentos e medicamentos, em Morro da Fumaça

Em 2018, Morro da Fumaça ampliou ainda mais a aquisição de consultas, exames, procedimentos e medicamentos junto ao Consórcio Intermunicipal de Saúde da Amrec (Cisamrec).

Com relação às consultas, exames e procedimentos, o investimento pulou de R$ 303.524,29 em 2017, para R$ 540.837,87 no ano passado, uma elevação de R$ 237.313,58.

Já com relação aos medicamentos, o município saiu de R$ 280.301,34 em 2017 para R$ 286.842,89 no ano passado, um incremento de R$ 6.541,55.

Em um comparativo com 2016, a Secretaria do Sistema de Saúde de Morro da Fumaça ampliou em R$ 102.385,62, já que naquele ano, o Município investiu R$ 184.457,27.

Os dados são do próprio Cisamrec. “Estamos comprometidos com a saúde dos fumacenses, prova disso é que seguimos ampliando o investimento tanto em medicamentos, quanto na disponibilização de médicos especialistas, entre outras ações”, ressalta o secretário do Sistema de Saúde de Morro da Fumaça, Robson Francisconi.

 

Política / Vídeo

PSL de Urussanga se apresenta

Com a presença do deputado estadual recém-eleito Jessé Lopes, do coordenador da sigla na região, seu pai Júlio Lopes, além dos presidentes das comissões provisórias de vários municípios da AMREC e especialmente do grupo desbravador de Urussanga, o PSL local se apresentou para aqueles que não conheciam as atuais lideranças.


Mesmo com a chuva forte o Restaurante Baggio recebeu um grande de números de pessoas entre as quais estavam eleitores do presidente Bolsonaro e os entusiastas com os propósitos do partido, entre eles buscar espaço na próxima eleição municipal.


Durante os sucintos discursos foi demonstrada a consciência de que os governos federal e estadual terão que ser bem-sucedidos para que a sigla continue superando as antigas estruturas políticas.

O deputado federal Daniel Freitas que não pode se fazer presente por já estar em Florianópolis aguardando a cerimonia de diplomação que acontece nesta terça-feira (18), mandou sua mensagem em áudio trazida por Jessé, o qual durante sua fala anunciou que não irá usufruir mensalmente dos mais de R$ 4 mil do auxílio-moradia assim como dos mais de R$ 6 mil a que teria direito por usar o seu próprio carro ao exercer o cargo. Ainda em sua fala o deputado reiterou que na assembleia terá como foco os pleitos trazidos por as pessoas e a própria sociedade.

Ao final os membros da comissão presidida por Ivo Roberto Diafenthaler, que tem como vice Darcionei Baesso com destaque para o tesoureiro e articulador Ivan Vieira, junto com os jovens nomes que o cenário começa conhecer, se mostraram bastante satisfeitos com o encontro sem perder a noção que praticamente tudo ainda precisa ser feito por parte de quem quer disputar daqui a dois anos uma eleição majoritária, inclusive com uma nominata completa para o legislativo.

 

Política

Prefeitos reúnem-se hoje em Treviso

Na prática de prestigiar as festas municipais da região, os prefeitos da AMREC reúnem-se hoje em Treviso, dentro da estrutura da X Festa do Colono. Uma das pautas do encontro está a sinalização turística e viária.

Conforme o presidente da AMREC e prefeito de Siderópolis, Helio Cesa ” O alemão”, a exemplo do que foi feito em Balneário Rincão, Urussanga e Cocal do Sul, o encontro será de forma itinerante. “Realizar as reuniões de prefeitos de forma itinerante é uma forma dos prefeitos prestigiarem as festas da nossa região, tão importante para o fortalecimento do nosso turismo”, afirma Alemão.

Para o prefeito de anfitrião, Jaimir Comin ter os prefeitos na abertura da festa será uma forma de prestigio. “Treviso celebrará neste fim de semana as suas origens, o trabalho dos nossos antepassados que ainda hoje seguem tão presentes nas nossas memórias e na nossa cultura. A X Festa do Colono foi pensada com muito carinho e ter a presença dos colegas prefeitos da AMREC na abertura desse importante evento é uma honra para nós”, afirma Comin.

Cultura / Destaque / Economia / Turismo

Cocal do Sul, Morro da Fumaça e Nova Veneza iniciam suas programações de Natal neste final de semana

É com a missão de levar o encanto e a magia do Natal a todos os Sul-cocalenses e visitantes que Cocal do Sul abre a sua programação especial neste sábado (24), com uma série de atrações culturais, artísticos e religiosa que vai até o dia 25 de dezembro.

A abertura, sempre emocionante e envolvente, será realizada às 19h30, na Praça da Igreja Matriz. A novidade este ano que vem para marcar a nova edição do evento será o Auto Luminoso de Natal. Um espetáculo que irá contextualizar o nascimento do menino Jesus através do teatro de sombras.

A chegada do Papai Noel, Coral Infantil Municipal, apresentação do cantor Arthur Villar e o ascender das luzes também farão parte deste cenário. O Cocal Luz é uma realização Governo Municipal, Coopercocal e Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) em parceria com apoiadores.

Na sequência, toda a magia do Natal invadirá Morro da Fumaça a partir deste domingo, dia 25, quando o município abre a Vila Natalina. Diversas atrações foram preparadas para receber os fumacenses e também os visitantes de outras cidades durante toda a programação que segue até o dia 21 de dezembro.

A abertura acontece às 19h30min com um desfile pela Rua 20 de Maio e parada para benção do Presépio em frente à Paróquia São Roque. A partir de então, os participantes seguem até a Vila Natalina, onde ocorre a cerimônia de abertura do local, chegada do Papai Noel, acendimento das luzes de Natal e show dos tenores Delareze e Juan Pablo, participantes do Programa Raul Gil, do SBT.

Como a coordenadora de Cultura, Rosangela Pagnan Maragno, a Danda, comentou, “Está ficando tudo muito lindo para receber os fumacenses e visitantes de outras cidades. Desde o ano passado, o município passou a ter uma referência no Natal, que é a Vila Natalina”.

E a segunda edição do evento “Natal em Nova Veneza” terá início também neste domingo, 25, e segue com programação até o dia 23 de dezembro. A cidade recebeu a tradicional decoração de natal e conta com diversos pontos de iluminação, além do centro. O evento é uma parceria entre a Prefeitura Municipal, ANET (Associação Neoveneziana de Turismo), CDL (Câmara dos Dirigentes Lojistas) e empresas de diversos segmentos.

Conforme afirmou a secretária de Cultura, Esporte e Turismo, Susan Bortolluzi Brogni. “Nesta segunda edição estamos expandindo a decoração para além do centro da cidade e levando o encanto dessa época festiva para outros pontos do município. Iniciamos um trabalho em Caravaggio e São Bento Baixo e queremos gradativamente expandir para outros locais nos próximos anos. Mantivemos atrações e reformulamos alguns pontos para que o evento atraia cada vez mais público tanto neovenezianos quanto da região”.

Na programação está a abertura e inauguração da iluminação natalina no próximo dia 25. Atrações culturais no dia 02/12. O ponto alto do evento será o desfile natalino no dia 09/12. Uma das novidades desta edição será a Casa dela Mamma e del Babbo Natale, ação promovida pela AFAVE (Associação Feminina de Assistência Veneziana), onde um espaço decorado irá tomar conta da Casa da Minestra com café natalino e oficina de decoração de bolachas. Outra novidade é a vila do Papai Noel na Praça Humberto Bortoluzzi.

São mais três municípios da AMREC que iniciam as programações de final de ano visando atrair visitantes e também motivar os munícipes para que nesse clima comprem, consumam, produtos e serviços nos empreendimentos locais. E o que se percebe é uma saudável concorrência na região, entre esses e outros, com a evolução e ampliação das atividades a cada ano.