O primeiro passo para modernizar o Terminal Pesqueiro Público de Laguna foi dado nesta quinta-feira (19).

O governador Carlos Moisés assinou o convênio que transfere ao Estado a gestão do local. Com isso, a SCPar irá administrar a estrutura, com a perspectiva de contribuir com o trabalho de pescadores, conquistar novos mercados, aumentar a movimentação e gerar empregos na região.

“Vamos buscar novos arrendamentos, trazer novos operadores portuários, tanto da área da pesca quanto da de estaleiros, manutenção de embarcações, tudo o que puder ser trazido aqui para Laguna, que precisa dessa geração de emprego e renda”, projeta Carlos Moisés.

O governador acrescenta que melhorias estruturais também estão nos planos do Estado, como o aumento do calado de entrada. “Também haverá investimentos privados. Temos uma grande retro área que está subutilizada, numa área privilegiada da cidade, com fácil acesso”, completa.

De acordo com o presidente da SCPar, Gustavo Salvador Pereira, a holding fará a gestão por meio de uma filial em Laguna. A projeção da empresa é atingir a movimentação de aproximadamente 2.500 toneladas de pescado por mês, gerando até 200 empregos diretos e indiretos.